Patriota - Agudos/SP Cover Image
Patriota - Agudos/SP Profile Picture
Patriota - Agudos/SP
@patri_sp_agudos


9seguidores


Categoria: Notícias e Política


CRESCIMENTO, EVOLUÇÃO E HISTÓRIA DE AGUDOS

Em 116 anos, Agudos cresceu e se desenvolveu. Viu seus filhos ganharem o mundo e seu nome ser aclamado. A “Açucena da Serra” guarda em suas raízes, o amor como o traço forte de sua história.
Agudos, chamava-se inicialmente “São Paulo dos Agudos”, por São Paulo ser o padroeiro da cidade e a mesma estar situada na serra dos Agudos. Até meados do século XIX selvagens dominavam completamente o oeste paulista (tribo dos caingangues). A partir daí começam a aparecer na região, paulistas e mineiros, os primeiros exploradores da terra para cultivar. Dentro eles, destacam-se três nomes de grande importância para a história de Agudos: Faustino Ribeiro da Silva, Cel. Delfino Alexandrino de Oliveira Machado e Benedito Ottoni de Almeida Cardia.
Faustino Ribeiro da Silva, mineiro, veio para esta região por volta de 1853, quando adquiriu grandes extensões de terra. Em 1893, doou parte dessa área (aproximadamente 13n alqueires) à Igreja, onde foi construída a primeira capela, em torno da qual São Paulo dos Agudos se desenvolveu. Um pouco mais tarde na década de 80 do século XIX, residindo em Lençóis, transferiram-se para São Paulo dos Agudos, os agricultores Delfino Alexandrino de Oliveira Machado e seu genro Benedito Ottoni de Almeida Cardia, reconhecendo a superioridade das terras do município, em relação ás de Lençóis, sendo ideais para o plantio de café. Aqui estava o futuro da Agricultura na qual estavam interessados: a Serra dos Agudos.
Cel. Delfino, líder político agudense, dedicou grande parte de sua vida com trabalho para que Agudos se firmasse como cidade próspera e influente. Tinha acesso às esferas mais altas do governo, tenso sido o autor da representação pedindo que o então Distrito Policial fosse elevado a Distrito de Paz. No ano seguinte o Distrito de Paz foi transformado em Munícipio e recebeu sua primeira Câmara Municipal no ano de 1899, tendo o Coronel Joaquim Ferreira Souto como Presidente e Benedito Otoni de Almeida Cardia como intendente.
Entre os séculos XIX e XX, Agudos recebeu muitas famílias de origem italiana, portuguesa e espanhola que ofereciam serviços no campo e cidade, o que foi fator determinante para o rápido desenvolvimento e evolução da então São Paulo dos Agudos. Algumas dessas famílias foram responsáveis por empreendimentos grandiosos e de extrema significância para o desenvolvimento da cidade.

FONTE:https://www.agudos.sp.gov.br/cidade/

A Cidade - Prefeitura Municipal de Agudos

Em 116 anos, Agudos cresceu e se desenvolveu. Viu seus filhos ganharem o mundo e seu nome ser aclamado.